Entenda a importância do compliance na gestão de contratos administrativos!

O termo compliance origina-se no verbo inglês ”to comply”, que, embora não tenha uma tradução exata em nossa língua, refere-se a “agir segundo uma regra preestabelecida”. Em contextos empresariais, refere-se à conduta de uma organização e sua adequação às leis que regulamentam o seu segmento de atuação (algo fundamental para a gestão de contratos administrativos).

O compliance engloba todos os controles externos e internos, bem como as regras e políticas que devem ser observadas para assegurar que as suas atividades e processos estejam perfeitamente alinhados às legislações e regras cabíveis. Pensando nisso elaboramos este artigo para tratar da importância do compliance e de como estabelecê-lo na gestão de contratos administrativos. Boa leitura!

Como estabelecer o compliance na gestão?

O compliance na gestão implica a implementação de um modelo que objetiva adequar as atividades desempenhadas diariamente pela empresa aos princípios que regem as melhores práticas corporativas.

Embora diversas iniciativas possam ser adotadas para atingir esse objetivo, há dois componentes que podem ser aproveitados por organizações de qualquer natureza conforme as especificidades do negócio e as características gerais de seus processos: a busca por melhorias contínuas e o mapeamento da gestão.

Faça o mapeamento da gestão

Analise as circunstâncias históricas, legais e operacionais do seu mercado de atuação, integrando os dados coletados à sua matriz de riscos. Tal processo facilita o entendimento dos problemas que eventualmente podem surgir e comprometer os resultados da empresa.

Busque melhorias

As medidas de compliance não devem ser implementadas e esquecidas logo após. Avalie e monitore constantemente os resultados, revisando procedimentos e políticas, a fim de identificar novas oportunidades de melhoria.

Uma vez que o compliance está em constante evolução, os objetivos estabelecidos devem estar sempre de acordo com as metas do negócio (que, por sua vez, podem ser alteradas devido à ação de fatores relacionados às vontades da organização).

Qual a importância de estabelecer o compliance na gestão de contratos administrativos?

Estabelecer o compliance na gestão de contratos é crucial à medida que permite incrementar a solidez dos objetivos estratégicos da empresa sem desrespeitar normas e legislações pertinentes. Esse alto nível de conformidade gera excelentes vantagens, tais como:

  • elevação da qualidade;
  • favorecimento da governança corporativa;
  • consolidação da marca;
  • maior acesso a mercados;
  • redução de custos.

Qual é o papel do compliance na gestão de pessoas?

As preocupações de ordem ética das organizações que implementam condutas pautadas no compliance geram certos impactos na gestão de pessoas, à medida que há muita responsabilidade envolvida em questões relacionadas às condutas internas, gerenciamento de equipes, promoções, demissões e contratações.

Com efeito, o compliance deve se fazer presente desde o momento da contratação, pois, o primeiro passo para a gestão de pessoas deve ser admitir profissionais verdadeiramente íntegros e comprometidos com os mais altos padrões éticos.

Como a tecnologia pode auxiliar na garantia do compliance?

As ferramentas tecnológicas destinadas a contribuir com as tarefas do compliance buscam propiciar às empresas novas formas de extrair o máximo valor possível das informações disponíveis a fim de auxiliar na tomada de decisões.

Sendo assim, o planejamento estratégico da gestão de pessoas deve partir da identificação das ações necessárias quanto ao uso dessas tecnologias que, via de regra, são delineadas de acordo com 3 áreas essenciais:

  • gestão de risco;
  • monitoramento e investigações;
  • análise de dados.

Nessas áreas, as novas tecnologias que podem oferecer maior auxílio são a intelligent tagging e o machine learning:

  • a marcação inteligente (ou intelligent tagging) permite classificar documentos segundo diferentes estruturas de conteúdos e níveis. Como uma enorme quantidade de documentos pode ser processada, eventos, fatos, lugares e pessoas podem receber pontuações específicas, indicativas de seu grau de relevância;
  • o aprendizado de máquina (ou machine learning) é capaz de identificar distintas entidades e determinar sua importância, diminuindo a ocorrência de falsos positivos e melhorando os resultados da gestão de pessoas.

Cumpre ressaltar, por fim, que a automação de processos e a possibilidade de contar com ferramentas e recursos tecnológicos reduzem significativamente a possibilidade de falhas no compliance na gestão de contratos administrativos. A tecnologia, nesse contexto, atua para incrementar a confiabilidade das ações e, inclusive, para maximizar os resultados.

Gostou do artigo? Então assine a nossa newsletter e fique por dentro das melhores soluções em recrutamento e seleção!