Entenda a importância da harmonia entre software de RH e LGPD

Por meio da análise de dados, a tecnologia atual pode armazenar e compreender cada vez mais sobre nossos desejos, gostos e anseios. Cada cadastro realizado gera materiais que são coletados pelas organizações, sob os mais diversos objetivos. Então, para proteger os usuários, em 2018 foi sancionada a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Diante desse cenário, para o desenvolvimento correto de uma organização é fundamental que haja uma harmonia entre software de RH e LGPD. Afinal, a obtenção de uma ferramenta apropriada à realidade da empresa possibilita várias vantagens para o seu setor de recursos humanos, além de garantir que suas atividades se mantenham dentro da lei.

É sobre isso que falaremos neste post. Então, se você tem alguma dúvida sobre o assunto, acompanhe a leitura!

Qual é a relação da tecnologia com o cumprimento das regras da LGPD?

Basicamente, a LGPD cuida de como as empresas devem armazenar e tratar os dados (especialmente os pessoais) dos seus usuários. Com a sua incorporação, as exigências para o tratamento dessas informações aumenta, tornando mais complexa a operação e incentivando a total transparência em todas as fases.

O primeiro passo para uma empresa se adequar é fazer um mapeamento detalhado de todos os dados pessoais que analisa, bem como do seu ciclo de vida. Saber quem tem acesso a esses dados, onde eles se encontram e como estão sendo armazenados, se eles são compartilhados com terceiros e quais são os riscos relacionados ao seu ciclo de vida é algo que as empresas precisam saber antes de implantar políticas de gerenciamento.

Powered by Rock Convert

Nesse sentido, as novas tecnologias e a automatização se tornam elementos imprescindíveis para as empresas. Afinal, em meio aos muitos processos e atividades necessárias às rotinas das organizações, um boa gestão de informação é o que vai assegurar a adequação e o bom funcionamento das regras da nova lei.

Vários fatores, se mal gerenciados, podem prejudicar a produtividade dos gestores e do negócio, como o descarte incorreto de documentos, a falta de segurança e a má utilização dos espaços físicos e virtuais da empresa. Porém, todos esses gargalos são solucionados com a harmonia entre um bom software de RH e LGPD — além da implantação de políticas corretas de gestão de informação e sistemas eficazes de gestão documental.

Qual é a importância de estar em conformidade com o software de RH da empresa?

Para se adequar à LGPD, será exigido dos gestores de RH a implantação de estratégias e programas para conscientizar os seus funcionários sobre as novas regras. Também será essencial o suporte de recursos de tecnologia para averiguar os principais processos envolvidos (coleta, utilização e guarda dos dados), assim como a análise dos processos com relação ao cumprimento das diretrizes de cada empresa.

A nova Lei ainda causa um impacto direto nas relações de trabalho. Até porque ela exige das organizações adequações em seus processos internos e contratos, sob pena de punições administrativas e uma multa que pode chegar a R$ 50 milhões a cada infração. Portanto, a fim de proteger a privacidade das pessoas, se faz necessário reorganizar toda a forma como as empresas tratam os dados e a sua segurança da informação.

Além de tudo isso, ao garantir uma harmonia entre um bom software de RH e LGPD a empresa ainda consegue tirar proveito de soluções de automação que assegurem a produtividade — principalmente quanto às tarefas manuais e repetitivas, ligadas à análise de informações e ao tratamento oferecido aos dados pessoais dos colaboradores dessa empresa. Assim, garante-se não apenas a conformidade com a lei, mas também uma otimização geral dos seus processos internos.

Então, gostou de entender um pouco mais sobre a relação entre software de RH e LGPD? Aproveite esta visita para assinar a nossa newsletter e receba as nossas próximas atualizações diretamente em sua caixa de entrada!