Qual é o impacto do RH 4.0 para a gestão de pessoas? Entenda!

O que devo fazer para ser um diferencial no mercado e alavancar a produção do meu negócio? Essa é uma indagação sempre presente na vida dos empreendedores, e não sem motivo.

De fato, o desenvolvimento da tecnologia nos últimos anos foi responsável por muitas melhorias no setor de Recursos Humanos. Mas a mais recente, conhecida como Quarta Revolução Industrial, veio para impactar de vez as corporações: o RH 4.0.

Para manter a organização em alta e competitiva, é necessário entender as tendências que essa transformação implica e as vantagens que ela pode conceder. Então, pensando em te ajudar com isso, trouxemos as principais delas neste artigo! Continue lendo para conferir.

Entenda as tendências do RH 4.0

O RH 4.0 foi inserido na automatização dos processos e têm repercutido positivamente durante essa revolução tecnológica, que incentiva os profissionais do setor de Recursos Humanos a atuar com foco em inovação e no grupo de colaboradores. Esse grupo, aliás, passou a ser mais reconhecido, e o investimento em seu bem-estar tomou um novo rumo.

Grosso modo, o clima organizacional da instituição recebeu um novo perfil. Seus funcionários são vistos como o centro de toda a dinâmica de produtividade e do orçamento do negócio, devido ao seu trabalho diferenciado e por se sentirem importantes, reconhecidos e felizes em seu ambiente corporativo.

Novo perfil do funcionário

Apesar de a tecnologia avançar a cada dia, na gestão de RH 4.0 ela é superada pela importância dos profissionais, que passam a ser vistos como peças fundamentais mesmo para o negócio. Isso porque eles agem de forma diferenciada na empresa, e têm um olhar voltado para o futuro.

Por conta disso, a procura do colaborador com o perfil exato para cada vaga dos setores tornou-se essencial — o que acaba fazendo do RH 4.0 um sistema mais exigente. Afinal, a empresa não procura mais apenas colaboradores, mas os melhores colaboradores. Aqueles que têm, de fato, as habilidades e competências necessárias para atuar de forma ágil e determinada.

As relações entre o corpo administrativo e o grupo de colaboradores ganham, consequentemente, um tratamento mais horizontal, que garante mais liberdade de decisões aos profissionais. Até porque eles são preparados e tratados de forma diferenciada. Isso, no entanto, ainda é visto por algumas pessoas como um “avançar o sinal”, o que é um erro.

Redução da jornada de trabalho

A nova era digital favoreceu, é claro, a inserção de novas tecnologias capazes de facilitar as múltiplas atividades do setor de Recursos Humanos. Então, para que toda essa inovação tenha realmente impacto, é fundamental que os colaboradores desse setor se desvinculem de processos e trabalhos manuais que já podem ser substituídos por soluções digitais.

Isso possibilita uma boa redução da jornada de trabalho desses profissionais, já que é possível produzir mais em menos tempo. E, com esse tempo ganho, é possível intensificar as suas ações em capacitação e no seu próprio engajamento com a organização. Algo, aliás, essencial para que eles possam acompanhar os novos conhecimentos, aprendizagens, linguagens e nomenclaturas, alinhando-se ao uso dos novos sistemas.

Uso de novas tecnologias

A adaptação de novos recursos tecnológicos têm sido bem impactante no RH 4.0, mais especificamente na área de relações humanas. Os processos de recrutamento e seleção, por exemplo, já tomaram novos formatos devido aos canais que são utilizados para esse processo — como os softwares de gestão de pessoas.

Powered by Rock Convert

Essa gestão otimizada possibilitou mais celeridade e precisão nos processos seletivos, bem como a oportunidade de:

  • armazenar dados em nuvem;
  • realizar vídeo entrevistas;
  • usar agregadores de vagas, dashboards e portais de emprego;
  • realizar contato direto com candidatos, etc.

Algumas empresas experimentam ainda outras mudanças na forma de realizar os seus trabalhos, utilizando o home office e o trabalho remoto (trabalho feito a distância, de qualquer lugar, até de outra cidade) graças à inserção de plataformas digitais na organização.

Conheça as vantagens do RH 4.0

Sabemos que a competitividade é uma realidade que preocupa muitos administradores. Justamente por isso, é fundamental programar novas culturas e atualizar constantemente as suas estratégias, mantendo um grupo de colaboradores sempre alinhado e coeso com o que acontece no mercado.

A seguir, vejamos como o RH 4.0 pode ajudar você nesse sentido!

Melhoria da comunicação interna

Um dos maiores benefícios que a tecnologia nos ofereceu é a facilidade e agilidade de comunicação. Pois o RH 4.0 absorveu muito bem essa oportunidade para estreitar o fluxo interno de comunicação, integrando seus grupos por meio de sistemas atualizados e plataformas bem estruturadas.

Apesar de ser um RH tecnológico, cuja comunicação se dá por meio se sistemas, tudo se tornou mais rápido. Ao diminuir-se as tarefas manuais, houve mais espaço para o planejamento e ação em capacitações, motivações de engajamento na empresa e nos próprios relacionamentos interpessoais.

Lembre-se: tratar profissionais como máquina não faz parte de um RH renovado! Pelo contrário: ele reconhece que a humanização só é possível com uma comunicação potencializada. Por isso, estreita as relações com diálogo direto, apertos de mão, abraços, olho no olho, palavras de elogios e outras formas de reconhecer o lado humano de cada colaborador, para que se sintam motivados.

Aumento da produtividade

Como dissemos, o RH 4.0 transformou a forma de relacionamento entre gestores e colaboradores, tornando-a mais próxima. Todos são livres para expor seus pontos de vista em determinada situação, e isso faz o funcionário se sentir feliz e valorizado. O resultado disso, então, é um trabalho mais eficiente e produtivo.

Diante dessa valorização do colaborador, é essencial pensar no desenvolvimento tanto do corpo quanto da mente. Alguns hábitos que podem fazer diferença nesse sentido são:

  • fazer intervalos durante o período de trabalho, para relaxar o cérebro — tomar um cafezinho, bater um papo rápido e realizar brincadeiras saudáveis podem fazer muito bem;
  • abrir tempo para lanches rápidos repõe as energias do corpo e deixa o colaborador mais disposto;
  • fazer alongamentos várias vezes ao dia relaxam a musculatura e diminui o estresse.

Enfim, compreender esses impactos positivos que o RH 4.0 pode causar na sua organização é o primeiro passo para uma boa tomada de decisões. Agora, convém estruturar as ações necessárias para que os investimentos tecnológicos (e humanizados) nos colaboradores possam, de fato, revolucionar a produção. Só assim a empresa poderá alcançar o desenvolvimento e o sucesso.

Então, gostou da leitura? Agora, aproveite para conferir também quais são os melhores tipos de tecnologia no RH das empresas!